terça-feira, 12 de junho de 2012

Nova Ordem Mundial - Unipolaridade x Multipolaridade

Ordem Unipolar x Ordem Multipolar 

Ordem Unipolar

A Ordem Unipolar está caracterizada como uma estrutura na qual há grande dificuldade em contrabalançar o pólo. Em que apresentam vantagens imcomparáveis aos EUA: o Produto
Nacional Bruto, a capacidade militar e algumas vantagens geopolíticas. Sendo assim, podemos concluir que, não há dúvida de que o mundo atual é unipolar.

Sob uma ordem unipolar desaparece a competição por superioridade e por liderança, uma vez que a capacidade do pólo é muito maior que a de outros. Assim, o poder de chantagem das potências menores é pequeno. Os que balanceiam contra o pólo gastam vários recursos com esforços externos. Por esses fatores, a unipolaridade é a ordem mais estável e mais pacífica.

No período pós-Guerra Fria, dos anos 1990 até ao menos até a primeira metade dos anos 2000, teria existido uma clara unipolaridade no Sistema Internacional, já que os Estados Unidos tornaram-se a única superpotência e não havia sinais claros de que outros pólos de poder regionais teriam alguma capacidade de se contrapor aos EUA.

Baseado nesses fatores, tem que apresentar uma política externa ativa e intervencionista para os EUA, no intuito de prevenir desdobramentos desfavoráveis. Os EUA é a maior potência de toda a História. As potências do passado tinham alguma deficiência, mas não os EUA, por se desempenharem muito bem em todos os tipos de poder. Sendo assim, é praticamente inconcebível que surjam competidores no curto prazo. Se os EUA souberem gerir o sistema assumindo uma postura de manipulação das questões de segurança, principalmente, na Europa e na Ásia, não há por que afirmar que a unipolaridade é efêmera.


Ordem Multipolar


     A nova ordem costuma ser definida como multipolar. Isso quer dizer que existem vários pólos ou centros de poder no plano mundial. Hoje temos três grandes potências mundiais de poderio econômico, tecnológico e político-diplomático: EUA, Japão e a União Européia.
Assim, o século XX começou com uma ordem multipolar, passou para a bipolaridade e termina com uma nova multipolaridade. 

Diferenças existem entre a multipolaridade deste fim de século e início de século:

A primeira grande diferença é que no início do século havia somente um agente no cenário internacional: o Estado Nacional (como, por exemplo, Inglaterra, Alemanha, etc.) e tudo girava ao redor de suas relações econômicas e político-militares. Já nos dias hodiernos há um relativo enfraquecimento do estado-nação e um fortalecimento de outros agentes internacionais – a ONU, em primeiro lugar, e também as empresas multinacionais e as diversas organizações mundiais (governamentais e não-governamentais) que atuam nas áreas ambiental, econômica, cultural, técnica, etc.

Em segundo lugar, no início do século vivia-se uma situação de pré-guerra: as rivalidades entre potências conduziam inevitavelmente a conflitos bélicos entre si, o que ocorreu efetivamente de 1914 a 1918 e novamente de 1939 a 1945. Hoje isso é extremamente improvável de acontecer, pois no lugar de uma disputa acirrada pela hegemonia mundial, existe uma crescente cooperação , uma interdependência, inclusive com a criação de mercados regionais ou blocos econômicos. Dessa forma, as três grandes potências são ao mesmo tempo rivais e associados, possuem alguns interesses conflitantes e inúmeros outros em comum.

A nova ordem mundial era tida como dualista, ou seja, predominava a oposição entre o bem e o mal, entre o capitalismo e o socialismo. Possuia várias frentes de oposição, como RICOS/POBRES; CRISTÃOS/MUÇULMANOS(ISLÂMICOS); etc.


Comentários: Ordem unipolar  é um conceito geopolítico que diz respeito ao EUA como única potência. No tempo da guerra fria, viviamos num mundo bipolar: EUA e URSS dominando político, economico e ideologicamente.


Fonte: www.vestibular1.com.br
               www.freewebs.com         

2 comentários: